Com roda de samba, APB dá início a programação especial pelo


Começou nesta quinta, 1º de novembro, a programação da Associação Positiva de brasília (APB) alusiva ao "Novembro Negro", mês Nacional da Consciência Negra, época de rememorar e celebrar a luta pela liberdade protagonizada pelos descendentes de africanos no país.

Uma das primeiras atividades foi uma roda de samba comandada por Rodolfo do Kavako e o grupo “Tambores da Cidadania”, no Espaço Cultutal Quilombo, no Itapoã.

Hoje com 25 anos, Rodolfo começou a carreira aos 14 por influência do irmão mais velho, que tinha uma banda de pagode. “O cavaquinho foi o instrumento que mais me chamou a atenção”, lembra. O impulso na carreira veio quando ele conheceu o Mestre Celinho, monitor de Percussão da APB. “Começamos a ensaiar junto com o pessoal da percussão no Parque da Cidade e fomos, aos poucos, nos inserindo nos projetos que ele cuidava”, completa.

Logo, segundo ele, o grupo começou a ficar mais conhecido e os shows com cachê começaram a surgir. “E lá se vão quase nove anos. Celinho vem nos apoiando desde então”, reconhece.

O calendário de atividades prossegue pelas próximas semanas.